Inglês

Do you speak English?

A importância da língua inglesa no mundo é amplamente conhecida. É a língua oficial da União Europeia. É também a primeira língua estrangeira de eleição em Portugal. A língua inglesa chega até nós através da televisão, da rádio, dos jornais e revistas. Os filmes, as séries e as canções mais populares são em língua inglesa. Na internet, os sites, blogs, áreas de conversação, são, por via de regra, em língua inglesa. 

Estima-se que, cerca de 375 milhões de pessoas falem inglês como sua primeira língua, sendo hoje, provavelmente, a terceira maior língua em número de falantes nativos, depois do chinês mandarim e do espanhol.

Todavia, quando se agregam nativos e não nativos esta será, provavelmente, a língua mais falada no mundo, (na pior das hipóteses, a segunda), ficando atrás de uma combinação dos idiomas chineses, independentemente se esses idiomas são classificados como "línguas" ou "dialetos".

As estimativas que incluem falantes do inglês como segunda língua, variam entre 470 milhões e mais de mil milhões.

No mundo do trabalho e do lazer é fundamental saber falar inglês. Saber falar Inglês é hoje, acima de tudo, uma prioridade cultural para quem pretende enriquecer-se em termos profissionais e pessoais.

 E, nos tempos que correm, mostra-se necessário, dir-se-ia, imprescindível, o conhecimento (falado e escrito) de línguas não nativas.

E essa necessidade manifesta-se de várias formas e em vários setores de atividade:

- E em primeira linha, para os que sentem necessidade de aceder à Internet, quer em áreas de conhecimento científico, quer no exercício de atividades profissionais.

- Associado às dificuldades económicas e financeiras do país, com o consequente aumento do desemprego, verifica-se que um, cada vez maior, número de pessoas se vê obrigado a emigrar, quer para tirar cursos académicos, quer para o exercício de atividades profissionais.

No Real Colégio de Portugal os alunos aprendem inglês de uma forma dinâmica, divertida e prática onde há a preocupação constante de criar motivação pelo conhecimento da cultura e dos costumes dos países de língua inglesa.