Chegámos ao final do primeiro semestre!

Esta semana chegamos ao final do primeiro semestre. No terceiro ciclo, os alunos do 7º e 8º ano terminaram as aulas de Educação Musical e os alunos do 9º ano terminaram as aulas de Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC). Na próxima semana, com início do segundo semestre iniciarão TIC, os alunos do 7º e 8º ano, e Educação Musical os do 9º ano. Este final de semestre coincidiu com um dos momentos que os alunos mais gostam: A Festa da Lição 100. Os alunos do segundo ciclo festejaram a lição 100 das disciplinas de Português e Matemática, com um momento descontraído e cheio de guloseimas.

Os alunos do 8º ano continuam com aulas práticas na disciplina de Físico-Química. Esta semana experienciaram as reações de precipitação - reações químicas durante as quais ocorre a formação de um sal insolúvel a que se chama precipitado. Os alunos fizeram a reação entre o iodeto de potássio e o nitrato de chumbo (ambos solúveis que originaram soluções incolores) que quando juntos formaram o nitrato de potássio (solúvel) e iodeto de chumbo que forma um lindo precipitado amarelo. Em simultâneo demonstraram a lei de Lavoisier que diz:

“Durante uma reação química, a massa total dos intervenientes permanece constante.”

No âmbito da celebração da Semana da Liberdade de Escolha de Escola, foram apresentados os projetos do 2º e do 3º ciclo para o próximo ano letivo com a presença da equipa pedagógica que os concretizará com os lemas “Continuar bem do 4º para o 5º ano” e “Continuar bem do 6º para o 7º ano”.

Foram também realizadas atividades, em sala de aula, sobre este tema. Os alunos do 2º ciclo fizeram uma experiência em conjunto: Direitos e Liberdades – “Passo em Frente”, com os objetivos de relacionar a dignidade humana com direitos inalienáveis, valorizar liberdade para escolher a escola como direito – realização pessoal e vocacional e identificar limites existentes a essa liberdade. Os alunos do 3º ciclo realizaram um Role Playing – “Liberdade de Educação em tribunal”. Simulando um tribunal, os alunos personificaram os diferentes intervenientes e identificaram diferentes argumentos e responsabilidades distintas para responderem à questão: “Podem os pais escolher livremente a escola para os seus filhos integrando o estado a oferta da rede de escolas privadas na oferta pública?”